• Css Template Preview
  • Css Template Preview
  • Css Template Preview
  • Css Template Preview
  • Css Template Preview

Notícias

Paróquia celebra o dia de São Francisco de Assis

O Dia de São Francisco de Assis foi celebrado com festa, no dia 04 de outubro, na Paróquia do Sagrado Coração de Jesus. Na ocasião, o padre José Ricardo Costa abençoou os animais de estimação trazidos pelos fiéis na entrada da igreja Matriz.

A pastoral da catequese também se fez presente com a encenação da vida do santo, protetor dos animais.

Conheça um pouco mais sobre a vida de São Francisco de Assis

Francisco nasceu em Assis, na Úmbria (Itália) em 1182. Jovem orgulhoso, vaidoso e rico, que se tornou o mais italiano dos santos e o mais santo dos italianos. Com 24 anos, renunciou a toda riqueza para desposar a “Senhora Pobreza”.

Aconteceu que Francisco foi para a guerra como cavaleiro, mas doente ouviu e obedeceu a voz do Patrão que lhe dizia: “Francisco, a quem é melhor servir, ao amo ou ao criado?”. Ele respondeu que ao amo. “Porque, então, transformas o amo em criado?”, replicou a voz. No início de sua conversão, foi como peregrino a Roma, vivendo como eremita e na solidão, quando recebeu a ordem do Santo Cristo na igrejinha de São Damião: “Vai restaurar minha igreja, que está em ruínas”.

Partindo em missão de paz e bem, seguiu com perfeita alegria o Cristo pobre, casto e obediente. No campo de Assis havia uma ermida de Nossa Senhora chamada Porciúncula. Este foi o lugar predileto de Francisco e dos seus companheiros, pois na Primavera do ano de 1200 já não estava só; tinham-se unido a ele alguns valentes que pediam também esmola, trabalhavam no campo, pregavam, visitavam e consolavam os doentes. A partir daí, Francisco dedica-se a viagens missionárias: Roma, Chipre, Egito, Síria… Peregrinando até aos Lugares Santos. Quando voltou à Itália, em 1220, encontrou a Fraternidade dividida. Parte dos Frades não compreendia a simplicidade do Evangelho.

Em 1223, foi a Roma e obteve a aprovação mais solene da Regra, como ato culminante da sua vida. Na última etapa de sua vida, recebeu no Monte Alverne os estigmas de Cristo, em 1224.

Já enfraquecido por tanta penitência e cego por chorar pelo amor que não é amado, São Francisco de Assis, na igreja de São Damião, encontra-se rodeado pelos seus filhos espirituais e assim, recita ao mundo o cântico das criaturas. O seráfico pai, São Francisco de Assis, retira-se então para a Porciúncula, onde morre deitado nas humildes cinzas a 3 de outubro de 1226. Passados dois anos incompletos, a 16 de julho de 1228, o Pobrezinho de Assis era canonizado por Gregório IX.

São Francisco de Assis, rogai por nós!

Hoje é dia de Santa Terezinha do Menino Jesus

Santa Teresinha do Menino Jesus – Intercessora dos Missionários

“Não quero ser santa pela metade, escolho tudo”.

A santa de hoje nasceu em Alençon (França) em 1873 e morreu no ano de 1897. Santa Teresinha não só descobriu que no coração da Igreja sua vocação era o amor, como também sabia que o seu coração – e o de todos nós – foi feito para amar. Nascida de família modesta e temente a Deus, seus pais (Luís e Zélia) tiveram oito filhos antes da caçula Teresa: quatro morreram com pouca idade, restando em vida as quatro irmãs da santa (Maria, Paulina, Leônia e Celina). Teresinha entrou com 15 anos no Mosteiro das Carmelitas em Lisieux, com a autorização do Papa Leão XIII. Sua vida se passou na humildade, simplicidade e confiança plena em Deus.

Todos os gestos e sacrifícios, do menor ao maior, oferecia a Deus pela salvação das almas e na intenção da Igreja. Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face esteve como criança para o Pai, livre, igual a um brinquedo aos cuidados do Menino Jesus e, tomada pelo Espírito de amor, que a ensinou um lindo e possível caminho de santidade: infância espiritual.

O mais profundo desejo do coração de Teresinha era ter sido missionária “desde a criação do mundo até a consumação dos séculos”. Sua vida nos deixou como proposta, selada na autobiografia “História de uma alma” e, como intercessora dos missionários sacerdotes e pecadores que não conheciam a Jesus, continua ainda hoje, vivendo o Céu, fazendo o bem aos da terra.

Morreu de tuberculose, com apenas 24 anos, no dia 30 de setembro de 1897 dizendo suas últimas palavras: “Oh!…amo-O. Deus meu,…amo-Vos!”

Após sua morte, aconteceu a publicação de seus escritos. A chuva de rosas, de milagres e de graças de todo o gênero. A beatificação em 1923, a canonização em 1925 e declarada “Patrona Universal das Missões Católicas” em 1927, atos do Papa Pio XI. E a 19 de outubro de 1997, o Papa João Paulo II proclamou Santa Teresa do Menino Jesus e da Sagrada Face doutora da Igreja.

Santa Teresinha do Menino Jesus, rogai por nós!

Comunidade é convidada a celebrar o ‘Cerco de Jericó’

A Paróquia do Sagrado Coração de Jesus já está nos preparativos finais para a realização do já tradicional ‘Cerco de Jericó’, que será realizado entre os dias 12 a 19 de outubro, na Igreja Matriz, com 24 horas de adoração ao Santíssimo Sacramento.

Organizada sob os olhares atentos do pároco Pe. Marcos Antônio Campanhari e do vigário, Pe. José Ricardo Costa, o Cerco terá uma intenção específica em cada celebração.

A novidade deste ano e que o pároco convidou a comunidade para fazer vigília durante 24 horas durante a realização do Cerco. Quem quiser participar deve procurar a secretaria da Paróquia ou os agentes pastorais durantes as missas e se inscrever no horário em que puder fazer a vigília.

“Quantas muralhas precisam ser derrubadas em nossa vida? Vamos viver o Cerco de Jericó, suplicando a Deus que caiam as muralhas do ódio, da violência, das doenças, das drogas, do álcool. Enfim, todas as muralhas que só a graça de Deus pode derrubar. Se junte a nós, venha rezar conosco e fazer parte desse tempo de graça e de Bênção em nossa comunidade”, enfatizou padre Marcos.

Paróquia prepara sete dias de adoração 24hs ao Santíssimo Sacramento

A Paróquia do Sagrado Coração de Jesus já está com tudo preparado para a realização do já tradicional ‘Cerco de Jericó’, que será realizado entre os dias 12 a 19 de outubro, na Igreja Matriz, com 24 horas de adoração ao Santíssimo Sacramento.

Organizada sob os olhares atentos do pároco, Pe. Marcos Antônio Campanhari, e do vigário, Pe. José Ricardo Costa, o Cerco terá uma intenção específica em cada celebração: “Quantas muralhas precisam ser derrubadas em nossa vida? Vamos viver o Cerco de Jericó, suplicando a Deus que caiam as muralhas do ódio, da violência, das doenças, das drogas, do álcool. Enfim, todas as muralhas que só a graça de Deus pode derrubar. Se junte a nós, venha rezar conosco e fazer parte desse tempo de graça e de Bênção em nossa comunidade”. comentou o Pároco.

PROGRAMAÇÃO 

12/10 – Domingo

Abertura do Cerco de Jericó

13/10 – Segunda

Missa na intenção dos falecidos

14/10 – Terça

Missa em louvor à São José

15/10 – Quarta

Missa de Cura e Libertação com Unção com Óleo Bento

16/10 – Quinta

Missa em louvor á Nossa Senhora Desatadora dos Nós

17/10 – Sexta

Missa em louvor á Santa Cruz

18/10 – Sábado

Missa em louvor aos Santos Anjos 

19/10 – Domingo

Missa de encerramento

 

O CERCO DE JERICÓ

O Cerco de Jericó é uma campanha de sete dias e sete noites de oração diante de Jesus presente no Santíssimo Sacramento. Sua inspiração mais remota encontra-se no capítulo 6 do livro de Josué.

O texto sagrado conta que antes de chegar á terra prometida, o povo de Israel se viu diante das grandes muralhas de Jericó que o impediam de prosseguir a caminhada. Obedecendo a voz de Deus, Josué convidou os israelitas a orarem durante sete dias e sete noites rodeando as muralhas de Jericó, tendo a frente a Arca da Aliança, sinal da presença de Deus.

Josué e os Israelitas acreditaram na promessa divina de que no sétimo dia durante a sétima volta, as muralhas cairiam e eles alcançariam a vitória, coisa que de fato aconteceu.

Paróquia do Sagrado Coração de Jesus celebra seu padroeiro

A grande festa em louvor ao Sagrado Coração de Jesus será celebrada em missa realizada nesta sexta-feira, do dia 27 de junho, às 19h30, na igreja matriz.

No sábado, dia 28 de junho, às 19h, será realizada procissão com o andor do Sagrado Coração pelas ruas da Paróquia e missa, também na igreja matriz.

O tradicional bolo do Sagrado Coração de Jesus será vendido a partir das 9h no salão de festas da Paróquia.

Viva Nossa Senhora de Fátima

“A treze de maio, na Cova da Iria, no céu aparece a Virgem Maria”

Ouvir esse canto vindo do povo português tem um tom diferente. Afinal, foi lá que a Virgem Maria quis aparecer, em Fátima, a mensagem mais atual, confirmada e aceita pela Igreja. São muitos os elementos que compõem a espiritualidade profunda da Cova da Iria.

- A Rampa: o local onde fiéis descem, de joelhos ou mesmo rastejando, trazendo no coração pedidos de oração ou a gratidão por uma graça recebida.

- O Valinhos: local onde viviam as três crianças. Hoje, é lugar de peregrinação, onde inúmeros fiéis rezam a Via-Sacra em clima de oração e silêncio.

- Oração e silêncio também são elementos marcantes da espiritualidade daquele lugar santo. Não há como se calar diante do apelo da Virgem Maria. Aquele céu de um azul inenarrável faz calar qualquer dor, até mesmo a mais profunda, pois, no colo da Virgem Maria, o homem encontra conforto e consolo.

- A linda basílica parece ter sido moldada pelos anjos, numa arquitetura que aponta para o céu. De cor clara, retrata a pureza da Mãe de Jesus e nos conduz a uma profunda reflexão. Inúmeras foram as vezes que rezei olhando para aquele santuário; ali, fiz uma experiência de Céu. Para mim, é, às vezes, difícil narrar tudo o que vivi em Fátima, é como seu eu tivesse me encontrado comigo e com o grande desígnio de Deus a meu respeito, cuja finalidade é única: o Céu.

- Meus pequenos Pastorinhos, gigantes na fé, ensinaram-me a amar mais, fizeram-me entrar no mistério da oferta e do sacrifício; não por mim mesma, mas pelo outro. Aquelas simples crianças são mestres na doação e no amor a Jesus e Sua Mãe.


Hoje, vivo na Terra Santa, onde Maria nasceu e viveu – um mistério e uma graça que Deus me concedeu –, mas meu coração não se separa da mensagem de Fátima nem de tudo o que ela me “ensinou”, que o Céu é, assim, indiviso, pois não compete entre si, não é reino dividido. A Terra Santa, com seus ensinamentos e espiritualidade, completa em mim o que comecei a viver em Fátima, na Cova de Iria, aos pés da Mulher mais brilhante que o sol.

Cantem, meus portugueses amados, celebrem com gratidão a Deus o acontecimento que foi realizado aí. Vocês são privilegiados, por isso, façam memória desse fato grandioso, levem para todo o mundo, tão ferido pela dor, pelo egoísmo, pelo ateísmo, a sua fé tão repleta de significado e de força tamanha.

Estando no Oriente, vejo o quanto os cristãos precisam da oração e do sacrifício do povo de Deus. Ao nosso redor, vemos relatos, todos os dias, de muita dor e muito sofrimento.

Na Síria, cristãos padecem por professar sua fé, morrem em cruzes, decapitados… Mas não desistem! A oração de um povo os sustenta, os mantêm firmes, mesmo diante do martírio. Em Fátima, rezou-se pelo fim da guerra.

Que a Virgem de Fátima possa ajudar a deixar de lado a guerra que nasce no coração do homem. Francisco, Lúcia e Jacinta, peçam ao Bom Deus por nós. Rezem por nós, pecadores!

Amém!

Cristiane Henrique

Missionária da Comunidade Canção Nova.

Fonte: Site Canção Nova

 

Paróquia prepara romaria à Aparecida

A Paróquia do Sagrado Coração de Jesus está organizando uma romaria ao Santuário Nacional de Aparecida, na cidade de Aparecida/SP, no dia 11 de junho (quarta-feira). Os interessados devem se inscrever na secretaria paroquial até o final do mês de maio. O valor da inscrição é R$60,00 (sessenta reais).

As vagas são limitadas.

Venha rezar conosco à Nossa Senhora Aparecida!

Igreja precisa da união dos fiéis para manter suas portas abertas

A comunidade da Paróquia do Sagrado Coração de Jesus está unida em uma campanha especial para ajudar na execução do projeto contra incêndio, que precisa ser instalado para o funcionamento da Igreja Matriz. A exigência foi feita pelo Corpo de Bombeiros local.

Para a ação, a Paróquia convidou mil fiéis a contribuírem com R$50,00 entre os meses de março/abril. Segundo o pároco, Pe. Marcos, a urgência da campanha é porque a Paróquia precisa pagar a execução do projeto e os equipamentos que devem ser instalados para atender à legislação.

Até o momento cerca de 250 pessoas aderiram à campanha.

 

Crianças encenam a Paixão de Cristo no Sagrado Coração de Jesus


A Paróquia Sagrado Coração de Jesus de São João da Boa Vista, realizou no sábado, 11 de abril, uma especial abertura da Semana Santa. A catequese paroquial preparou uma bonita encenação da Paixão e Morte do Senhor. Com o desejo de despertar nas crianças o conhecimento do verdadeiro sentido da Páscoa, cerca de 50 crianças encenaram os principais momentos vividos pela nossa fé cristã nesses dias.

 

Começando pelo Domingo de Ramos, lembraram o Lava-Pés e a Instituição da Eucaristia. Emocionante foi o momento da Agonia do Senhor no Horto das Oliveiras, condenação diante de Pilatos e Crucificação. Terminaram a encenação depositando o corpo do Senhor no Túmulo Novo. Criatividade e dedicação não faltaram por parte dos pais e catequistas, bem como o incentivo dos padres Marcos Antonio e José Ricardo. Cerca de 800 pessoas prestigiaram esse momento tão bonito e profundo para a vida de nossa Igreja. Com certeza as crianças souberam traduzir na simplicidade de suas falas e gestos, a grandiosidade do mistério celebrado.

Pe. José Ricardo Costa

Programe-se para a participar da Semana Santa

SEMANA SANTA DE 2014

Dia 13 de Abril – DOMINGO DE RAMOS

7h – Missa com Bênção de Ramos e Procissão saindo das casinhas dos Idosos para a Igreja de S. Cristóvão

8h30 – Missa com Bênção de Ramos e Procissão saindo da Igreja. Maria Mãe da Igreja para a Matriz;

19h – Missa na Igreja Matriz com Ritos iniciais do Batismo;

 

Dia 14 de Abril – SEGUNDA-FEIRA SANTA

19h30 – Celebração das Dores de Nossa Senhora, na Igreja Maria Mãe da Igreja e procissão com o Andor da Senhora das Dores para a Matriz;

 

Dia 15 de Abril – TERÇA-FEIRA SANTA

19h30 – Missa solene do Santo Crisma – Paróquia são João Batista -  Catedral – São João da Boa Vista

 

 Dia 16 de Abril – QUARTA-FEIRA SANTA – PROCISSÃO DO ENCONTRO

19h30 – A imagem de Nossa Senhora das Dores sairá da Igreja Matriz da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em direção a Igreja Matriz da Paróquia Bom Jesus, onde acontecerá missa do encontro doloroso;

 

Dia 17 de Abril – QUINTA-FEIRA SANTA – INSTITUIÇAO DA EUCARISTIA

SERMÃO DO MANDATUM

19h30 – Missa Solene do LAVA PÉS E INSTITUIÇÃO DA EUCARISTIA na Igr. de S. Cristóvão

20hs – Missa Solene do LAVA PÉS E INSTITUIÇÃO DA EUCARISTIA na Igreja Matriz;

Obs.: Ministros, Pastorais e Movimentos ver escala de Adoração

 

Dia 18 de Abril – SEXTA-FEIRA SANTA – PAIXÃO DO SENHOR

SERMÃO DAS SETE PALAVRAS

15h – Celebração da ADORAÇÃO DA CRUZ na Igreja São Cristóvão;

15h – Celebração da ADORAÇÃO DA CRUZ na Igreja Matriz;

19hs – PROCISSÃO DO SENHOR MORTO, saindo da Igreja Matriz da Paróquia do Senhor Bom Jesus para a Igreja Matriz da Paróquia Sagrado Coração de Jesus;

Dia 19 de Abril – SÁBADO SANTO – VIGÍLIA PASCAL NA NOITE SANTA

19h30 -SOLENE VIGÍLIA PASCAL DA NOITE SANTA, com Bênção do Fogo, Círio e renovação das Promessas do Batismo na Igreja São Cristóvão;

19h30 – SOLENE VIGÍLIA PASCAL DA NOITE SANTA, com Bênção do Fogo, Círio, Água Batismal, Batizados e renovação das Promessas do Batismo na Igreja Matriz;

 

Dia 20 de Abril – DOMINGO DA PÁSCOA DO SENHOR

5h30 – Missa Festiva de Páscoa na Igreja de São Cristóvão, Procissão do Cristo Ressuscitado e da Senhora da Glória, encontro glorioso na frente da Igreja Matriz;

9h – Missa Festiva de Páscoa na Igreja Matriz;

19h – Missa Festiva de Páscoa na Igreja Matriz;